Anátema

Anátema é um termo que denota maldição porque foi separado. Deriva do grego ἀνάθεμα, anáthema, que significa “uma oferenda” ou “qualquer coisa dedicada”.

No Antigo Testamento, a Septuaginta referia-se tanto aos objetos irremissíveis consagrados ao uso divino (Corbã) quanto aos destinados à destruição em nome do Senhor, como os inimigos e suas armas durante as guerras religiosas (herem). Portanto, tais objetos seriam maldidos para a apropriação pessoal. Cf. Lv 27:28.

No Novo Testamento o termo aparece seis vezes (1 Co 12:3; 16:22; Gl 1:8,9; Rm 9:3; At 23:14), indicando um desfavor divino.

Mais tarde, na história do cristianismo o termo ganhou conotação de amaldiçoamento formal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: