Philip Mauro

Philip Mauro (1859-1952) advogado, teólogo leigo e escritor americano, pertencente ao Movimento dos Irmãos.

Mauro teve sucesso profissional como advogado de patentes em casos na Suprema Corte dos Estados Unidos, enfrentando Thomas Edison várias vezes o qual ganhou seu respeito. Participou do julgamento de Scopes, preparando os argumentos de William Jennings Bryan. Publicou vários panfletos e livros, nos quais expunha principalmente uma teologia dispensacionalista.

Em 1908 passou a morar sanzonalmente na Itália. Em um culto em Rapallo começou a pregar em italiano sem ter domínio da língua e a partir disso passou a se comunicar nesse idioma.

Mauro estava no RMS Carpathia, coincidentemente no qual também estavam como passageiros Louis Francescon, Louis Terragnoli e Giacomo Lombardi, quando este navio socorreu os náufragos do Titanic em 1912.

OBRAS

  • God’s Pilgrims
  • Life in the Word
  • The Church
  • The Churches and the Kingdom
  • The Hope of Israel
  • Ruth, The Satisfied Stranger
  • The Wonders of Bible Chronology
  • The World and its God
  • The Last Call to the Godly Remnant
  • More Than a Prophet
  • Dispensationalism Justifies the Crucifixion
  • Evolution at the Bar
  • Of Things Which Soon Must Come to Pass
  • The Seventy Weeks: And the Great Tribulation

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s