Papiro 967

Papiro 967 é um códice da versão Old Greek (Septuaginta) dos livros de Ezequiel, Daniel e Ester, escrito por volta de 200 d.C.

A descoberta do papiro foi anunciada no New York Times em 1931, mas os detalhes da descoberta e proveniência não são claras. Supõe-se que foi encontrado em Afroditópolis.

É composto por 59 folhas, o que corresponde a 118 folhas abertas ou 236 páginas. Um lado mede aproximadamente 344 × 128 mm. As páginas são escritas em uma coluna com uma média de 42 linhas em uma escrita uncial quadrada.

O escriba de Ezequiel difere de Daniel e Ester pode ser identificado. Várias correções pelo escriba e mãos posteriores são inseridas. O texto contém nomina sacra, bem como sinais de texto crítico para indicar as leituras de acordo com Theodotion.

O colofão no final do livro de Daniel deseja: “Paz para quem escreveu e para quem lê”.

O livro de Daniel já continha uma divisão de capítulos em letras gregas. Esses números, inseridos como subscriptio, não foram acrescentados posteriormente, mas já estavam presentes no texto original.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: