Jesus Cristo

J̓esus Cristo, em grego Ιησοῦς Χριστός. Jesus é a forma do hebraico. “Yahweh salva” e Cristo em hebraico significa Messias, מָשִׁיחַ, que significa “o ungido”. Jesus de Nazaré, referência dada à cidade da qual foi criado, foi crido como o ungido divino, em cumprimento de antigas profecias, revelando Deus.

Os ensinos, vida, morte e ressurreição de Jesus Cristo são narrados nos quatro Evangelhos , enquanto outros escritos do Novo Testamento registram os efeitos confiança nele entre seus seguidores (a Igreja) como seu Senhor e Salvador.

Pelos registros neotestamentários, Jesus apareceu por volta do ano c24 d.C. publicamente ao povo da Judeia e regiões vizinhas. Ensinava por parábolas, estendendo sua amizade com os excluídos, atendendo os necessitados com milagres e falava do reino de Deus como uma realidade presente. Foi crucificado pelos romanos em colaboração com a elite político-religiosa judaica. Ressuscitado dos mortos,apareceu vivo para seus seguidores. Assim, foi crido como co-criador (João 1: 1-3) e o justo juiz no final dos tempos (Mt 16:27). Desde então, os cristãos compreenderam sua morte como expiação pelo pecado, sua ressurreição como vitória sobre a morte como ato inagural da salvação.

O Novo Testamento registra que em todos os atos na vida de Jesus Cristo esteve revelado a ação do Espírito Santo. Pelo Espírito Santo Maria concebeu e o Logos se fez carne (Mt 1:18; Lc 1:33; Jo 1:14). No batismo a voz do Pai e o Espírito desceu sobre o Filho (Mt 3:16; Mc 1:10; Lc 3:22; Jo 1:32-33). Este mesmo Espírito guiou Jesus ao deserto (Mt 4:1; Mc 1;12; Lc 4;1) para a vitória sobre a tentação. Seus ensinos foram pelo Espírito (At 1:2), quando pregou paz aos que estavam longe e paz aos que estavam perto, para que todos tivessem acesso em um Espírito ao Pai (Ef 2:18-22). Cristo foi morto e levantado para a justificação pelo Espírito (Rm 4:25; 8:11). Prometeu o batismo no Espírito (At 1:1–4). E pelo Espírito os cristãos esperaram seu retorno (Ap 22:17).

Referências extrabíblicas
Alusões a Jesus aparecem nos autores greco-romanos e sírios.

  • Plínio (Epístolas 10.96) escreveu ao imperador Trajano sobre a “superstição” cristã na Ásia menor.
  • Tácito (Anais 15.44) observou que Cristo foi executado sob Pilatos;
  • Suetônio (Vidas 24.4) registra agitações entre a comunidade judaica de Roma por causa de um “Crestus”.
  • Flegonte de Trales (citado por Orígenes de Alexandria, Contra Celso, 2. 14) teria dito que Jesus previu eventos futuros e que houve um eclipse e terremoto em seus dias. Apesar de conhecido somente por Orígenes, no geral Contra Celso é um fonte historiográfica fiável.
  • O filósofo sírio Mara Serapion teria escrito uma carta por volta do ano 73 d.C. lamentando a morte de três pessoas importantes à humanidade: Pitágoras, Sócrates e um “rei dos judeus” cuja nova lei continuava como legado.
  • Talus. Escritor samaritano de expressão grega. Sua obra foi perdida, mas sobrevive em fragmentos. É citado por escritores cristãos como registrando um evento de escuridão no século I d.C.
  • Numênio (fl.150-200), filósofo e erudito sírio, menciona Moisés e os escritos cristãos com respeito.

Fontes judaicas, como Josefo (Antiguidades) e o Talmude, contêm poucos dados de valor histórico sobre Jesus. Josefo menciona a execução de João Batista – além de uma passagem contestada sobre Jesus como um homem sábio e que apareceu a seus seguidores após Sua ressurreição. As referências no Talmude aparece em contextos polêmicos a apologéticos

Fontes menores constituem os relatos pseudoepigráficos (ca. 150-350 dC), os ágrafas (dizeres de Jesus fora dos evangelhos canônicos) e a literatura patrística dos primeiros séculos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: