Fermento

O fermento, em hebraico חָמֵץ, chamets; שְׂאֹר, se’or; e em grego ζύμη, zymē, é a substância biológica que faz uma massa crescer.

O fermento era apenas um pedaço de massa fermentada retirada para posterior uso (Mateus 13:33).

O fermento era removido das casas israelitas durante a Festa dos Pães Ázimos, ou pães sem fermento (Êx 12:15, 19; 13:7). Também era vedado o fermento nas ofertas de grãos (cf. Êx 23:18; Lv 2:11).

Figurativamente o fermento era visto como um elemento corruptor, pois “um pouco de fermento leveda toda a massa” (1 Co 5:6; Gl 5:9). Em Mt 16:6 “fermento” refere-se ao ensino ruim comparável ao “Se’or sheba-‘isah” = “o fermento na massa”, correspondendo ao conceito talmúdico de “yetzer ha-ra” (Berakhot 17a), a inclinação congênita para o mal. No entanto, Jesus menciona o fermento uma vez de forma positiva, referindo-se à mudança causada pelo reino dos céus (Mt 13:33).