Amalequitas

Os amalequitas eram os descendentes de Amaleque, que era neto de Esaú (Gn 36:15-16). Como povo, os amalequitas aparentemente eram nômades (talvez, o que os distinguia dos outros edomeus) que habitavam o território sul do Levante.

Os amalequitas foram os primeiros inimigos a atacar Israel em suas jornadas pelo deserto do Egito (Êx 17:8-16). Outras referências a eles sugerem que eram saqueadores proficientes de aldeias e comunidades agrárias (1Sm 30:1-20; Jz 6:1-6).

A injunção de exterminar os amalequitas aparentemente foi levada a cabo (Dt 25:17–18, Êx 17:14 e 1 Sm 15:3). Teriam sido extintos no reinado de Ezequias (1 Cr 4:43). Desse modo, não restam vestígios arqueológicos ou alusões extra-bíblicas a respeito dos amalequitas.

Na história israelita os amalequitas passaram a representar o inimigo arquetípico antissemita, como Hamã, no Livro de Ester.

Pelatias

O nome Pelatias significa entregue por Yahweh.

  1. Pelatias, filho de Hananias, filho de Zorobabel. (1 Cr 3:21)
  2. Pelatias, um dos chefes dos saqueadores simeonitas que, no reinado de Ezequias, fez uma expedição ao Monte Seir e atacou os amalequitas. (1 Cr 4:42)
  3. Pelatias, um dos chefes do povo e provavelmente o nome de uma família que selou a aliança com Neemias. (Neemias 10:22)
  4. Pelatias, filho de Benaias, um príncipe dos judeus contra quem Ezequiel profetizou e ele morreu imediatamente (Ezequiel 11:5-12).